(Comemoração do gol de Marquinhos Gabriel - Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro)
 
Repórter: Jardel Gama
 
 Cruzeiro venceu o super clássico do primeiro jogo da decisão do estadual e jogará pelo empate na volta para ficar com o título. Atlético precisará vencer por qualquer placar para ser campeão.
 
O jogo ficou muito tempo parado. No finalzinho do clássico, houve conflito entre jogadores e Adilson levou segundo amarelo e acabou fora do jogo de volta. Aos 51 do segundo tempo Rafinha, que tinha acabado de levar amarelo, se estranhou com outros jogadores na confusão com Adilson e recebeu também o vermelho. Num ‘ de cartões’, Marquinhos Gabriel, aos 50min, empurrou adversário no meio campo e fica amarelado. Amarelo também para Edilson por jogar a bola para longe, após falta marcada.
 
51.032 torcedores lotaram o Mineirão, num dos clássicos mais disados do país. Aos 37 do 2º tempo, houve gol anulado. O árbitro consulta o vídeo na lateral do campo e invalida o gol de Fred com o toque de braço.
 
A partida de volta acontece no próximo sábado, dia 20, às 16h30, e ainda sem estádio confirmado.
 
Militares do Batalhão ROTAM prenderam 8 torcedores que participavam de briga generalizada na zona leste de BH. Em uma das ocorrências, foram apreendidos vários artefatos explosivos. Na outra, 5 torcedores do Cruzeiro tentaram matar um atleticano enforcado com uma corda. As ocorrências e os brigões foram encaminhados à Central de Flagrantes ( CEFLAN 1), no Bairro Floresta, na Região Leste da Capital.